terça-feira, 14 de junho de 2011

MINHA ORAÇÃO MAIS PODEROSA!

         Tá bom, tá bom... eu confesso: ando meio chata ultimamente. Umas frases meio “escabrosas”, uns textos reflexivos e até “nebulosos”!
         Cansei. Quero mais não! Essa não é a minha natureza! Mas é que andam acontecendo umas coisas tão tristes, tão chatas... aí não consigo guardar, preciso falar.
         Mas já falei, escrevi e pensei nelas o suficiente. Chega!
         Hoje – agora, mais precisamente – estava vendo umas fotos de uma viagem recente... eu e os MEUS... Que delícia! Impossível não deixar o pensamento viajar também. Deixei e amei a transformação da minha energia, do meu coração.
         O meu texto de hoje fala só de AMOR. Na verdade, fala da minha ORAÇÃO diária e incessante. Fala da minha oração chamada FAMÍLIA!
         Tenho estado muito distante da igreja (lugar, ambiente, construção!)... há anos, pra ser bem sincera. Ameaço voltas, ensaio retomadas intensas, mas nunca rola... Aí, inquieta que sou, outro dia me peguei pensando nisso, cheia de culpa e percebi o quanto vivo em oração. Falo com Deus tantas vezes por dia e em tantas situações diferentes. Falo como se Ele fosse um amigo íntimo (mas não é mesmo, oras??). Brigo com Ele, agradeço, discordo, discuto, dou até risadas... e nossa relação é ótima! Sem culpa, sem grilos e sem frescuras também. ADORO!
         Mas voltando ao assunto família, percebi que oro profundamente quando olho para minhas filhas, quando olho para meu marido, quando ganho um abraço de um deles ou quando quem abraça sou eu.
         Praticamente medito na hora de um beijo e na hora do nosso sagrado EU TE AMO. Eu para ele, para ela ou para elazinha. Ou o contrário: qualquer um deles para mim. É SAGRADO.
         Faço minhas orações na hora das discussões, na hora da falta de paciência, na hora do cansaço... Não necessariamente DURANTE essas horas, mas logo depois que elas passam e eu penso no que disse, no que não disse ou no tom que usei.
         Quando digo que oro quando estou com eles é porque, quando estou com eles estou com Deus, em Deus. Bem humorada, mal humorada, maquiada ou extremamente mal arrumada. Quando estou com ele, ela e elazinha, estou comigo, estou no céu, estou o mais perto de Deus que eu posso estar. E nessas horas, em todas essas horas, estou em oração... não apenas falando palavras bonitas, de olhos fechadas, de mãos dadas com quem está do lado... mas em oração verdadeira, intensa, que mexe comigo, me faz melhor, me dá saúde, paz e me faz AMOR.
         Se há uma oração mais poderosa que a do amor, da família, não me apresentaram... Não preciso ir, vestir, fechar os olhos ou olhar para falar e estar com Deus. Basta sentir o que sinto quando estou com Ele, ele, ela e elazinha. Nós cinco. Amém.
        Todos os dias e sem cessar.

Um comentário:

  1. Coisa MAIS LINDA de texto, IG!!! Amei e me emocionei! Bjs!

    ResponderExcluir